Porque você deveria adquirir um coletor menstrual

Oi, tudo bem com você? Acho que, a partir daqui, você já me conhece, né? Meu nome é Carolina e esse é o meu blog, que tento manter o mais diverso possível, contrariando todas aquelas táticas para ter visualizações.

Hoje eu quero falar sobre um assunto que mudou a minha vida enquanto mulher e me trouxe muito mais conforto e segurança: coletor menstrual. Muitas mulheres torcem o nariz para ele e acham que é nojento, mas eu garanto que com esse texto farei você mudar de ideia, ou ao menos refletir mais sobre esse assunto!

O que é o coletor menstrual?

O coletor menstrual é um copinho feito de silicone medicinal, completamente reutilizável, que deve ser inserido na vagina formando um vácuo entre o canal vaginal e o meio externo. Esse vácuo é o responsável por toda a graça do negócio, como por exemplo:

  1. Dê adeus ao odor de menstruação

O absorvente convencional, interno ou externo, faz com que o nosso sangue entre em contato com o ar. Esse contato gera bactérias responsáveis pelo odor desagradável da menstruação. Como o coletor menstrual cria um vácuo entre o canal vaginal e o meio externo, o sangue não entra em contato com o ar e o mau cheiro não existe. Pode dar adeus também aos cachorros que ficam loucos com esse odor da menstruação.

  1. Exercícios físicos liberados

Academia, piscina, corrida, tudo liberado. Uma das premissas do absorvente interno era permitir o uso na piscina e em demais atividades físicas, mas na verdade ele não funcionava tão bem assim. Como o absorvente interno é basicamente um pedaço de algodão no canal vaginal, ele absorve absolutamente tudo, incluindo a nossa tão saudável lubrificação natural. Por isso, o seu uso não é tão adequado (ainda que, na minha opinião, mil vezes melhor usar um absorvente interno que uma “fraldinha”). Com o coletor menstrual, mais uma vez, seus problemas acabaram: ele não absorve nada, apenas coleta, e o vácuo permite que você pule, nade, rodopie feliz e tranquila sem vazamentos.

  1. ATCHIM!

Sabe a sensação de espirrar e descer uma cachoeira? Para mim, é uma das piores sensações do mundo! E, mais uma vez, coletor menstrual se mostra incrivelmente superior. Graças ao vácuo, ao espirrar, não vaza nada.

E, se essas informações ligadas ao sensorial ainda não te conquistaram, tem mais! Confira:

Economize dinheiro e recursos naturais

A economia de dinheiro com um coletor menstrual é incrível! Claro que é um investimento um tanto alto de uma vez: o coletor menstrual custa entre 70 e 90 reais. Mas mesmo assim, sempre há promoções na internet e a possibilidade de parcelar. Uma mulher geralmente gasta, em média, de 20 a 30 reais por mês em absorventes. Se o absorvente for interno, essa conta pode ir até a 40 reais. E o coletor, por ser reutilizável, pode ser usado por até CINCO ANOS! Já fez as contas, né?

Além da economia pessoal de dinheiro, é uma economia para o nosso planeta. O absorvente é feito de dois principais materiais, o algodão e o plástico. Pelo seu fator higiene, não é reciclável e seu tempo de decomposição leva bons milhares de anos. Ou seja, o primeiríssimo absorvente usado, na década de 1930 ou 1940, ainda está na natureza em algum lugar, poluindo nosso ecossistema. O coletor menstrual é uma alternativa muito mais ecológica, que praticamente não produz resíduos e pode ser facilmente higienizado com água fervente.

E agora? Conquistei você, certo? Se eu não te conquistei com o coletor menstrual, não tem problema! Ainda existe mais uma opção ecológica e sustentável pelas lojas, que é a calcinha absorvente. Essa calcinha é produzida com um tipo de tecido tecnológico que não vaza e diz minimizar os odores. Eu queria muito testar, mas confesso que o preço ainda não é muito acessível.

O coletor menstrual, porém, tem um preço que se paga ao longo dos anos. Eu adquiri o meu primeiro coletor em 2015 e fui trocá-lo depois de quatro anos, no mês passado. Usei, até então, duas marcas, e pretendo contar para vocês no próximo post a minha experiência com elas.

Agora eu quero saber de vocês: vocês usam coletor menstrual? Já sabiam das dicas? Qual a sua opinião sobre eles?

Comments

comments

Carolina Haine

22 anos, licenciada em Letras Inglês, designer e diagramadora de livros. Não vive sem o Evernote, uma caneca de chá e, claro, seus óculos de grau.

Deixe uma resposta